ColunistasDaniel BryanFabio PortaluppiLuis PortoOpiniãoSlider

Opinião: marcas e suas responsabilidades, o caso Carrefour e o cachorro

A marca é um patrimônio da empresa. Ela deve ser cuidada como um filho.

Tivemos recentemente um episódio lastimável e chocante, onde um funcionário de uma grande empresa matou um cachorro cruelmente, com grande repercussão nas mídias.

A marca desta empresa, não apenas no entorno do triste episódio, mas inclusive globalmente, ficará comprometida, podendo perder muitos clientes que, revoltados com tal atitude, deixarão de consumir no local e passarão a procurar por outros fornecedores.

Enquanto existem marcas buscando salvar o planeta, engajadas nas mais variadas frentes sociais, outras deixam a desejar quanto ao comprometimento de seu pessoal no que diz respeito à responsabilidade para com seus clientes relacionada à cultura da empresa e em respeito à própria marca.

Sim, pode parecer que isso fuja ao controle da empresa, mas é importantíssimo ressaltar que, na maioria das vezes, a falta de treinamento de um colaborador quanto a sua atuação e responsabilidades com a marca que ele representa no exercício de suas funções, pode causar sérios prejuízos morais e financeiros para a mesma, como ocorreu no triste episódio.

Logicamente não é possível controlar a atitude de toda a sua equipe, mas é possível pensar em sua marca e no que pode ser feito para que seja criada uma visibilidade social saudável e responsável diante de seus clientes e, principalmente, que esta seja mantida, através de constantes treinamentos, reciclagens e até atualizações de políticas internas de sua empresa. Afinal, estamos em constantes mudanças, principalmente no que diz respeito ao resgate do fator humano, interna e externamente, e que não pode, jamais, ser negligenciado.

A responsabilidade social da marca é um fator gerador de negócios. Não podemos descuidar desse detalhe essencial que muitos pensam ser de menor importância.

Por Fábio Portaluppi, Luis Porto e Daniel Bryan

Crédito da foto: Natan Holtz

Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar