EventosSaúde

Nos cinemas: Documentário brasileiro conta a história do HIV e da AIDS

‘Carta Para Além dos Muros’ lança trailer para alertar sobre o Dia Mundial contra a Aids

O documentário “Carta Para Além dos Muros”, com data de estreia prevista para abril de 2019, acaba de ganhar trailer para alertar sobre o Dia Mundial contra a Aids, comemorado anualmente em 01/12. Contando com depoentes como Dráuzio Varella, Esper Kallas, Lucinha Araújo e Wanessa Camargo, o documentário é uma investigação que busca entender a gritante disparidade entre a evolução no tratamento do HIV e a mentalidade em relação à infecção, refazendo a cronologia da epidemia no país, com imagens de arquivo e depoimentos de pessoas que vivem com HIV, seus familiares, autoridades, especialistas e personalidades, e os desafios que ainda são enfrentados em relação ao estigma e à discriminação.

Idealizado pelo diretor André Canto, ‘Carta Para Além dos Muros’ é um projeto ousado e acaba de ganhar um grande apoiador: o Hilab, serviço inovador, desenvolvido pela Hi Technologies, que realiza exames laboratoriais e entrega os resultados, com laudos emitidos por uma equipe de biomédicos, em apenas alguns minutos. O teste de HIV está entre os exames disponibilizados pelo serviço. Como parte do projeto, o Hilab acaba de lançar um e-book sobre AIDS e HIV, um manual didático que disponibiliza explicações, diferenças, dados e curiosidades sobre o vírus. Outras ações serão realizadas por ocasião do lançamento do documentário.

Até os dias de hoje, quando se fala em HIV, muita gente ainda pensa na epidemia de AIDS que vitimou milhões de pessoas em todo o mundo nos anos 1980 e 1990. Vivemos com a perigosa percepção de que a AIDS é coisa do passado, quando na verdade ela é mais presente do que se imagina. De acordo com o Ministério da Saúde, das mais de 32 mil infecções que ocorreram em 2015, 24% delas foram entre jovens de 15 e 24 anos, pois muitos deles ficaram longe das informações sobre as infecções sexualmente transmissíveis (IST) e nem passaram pelo auge da epidemia, tendo menos conhecimento sobre a gravidade do vírus e da infecção.

De fato, com a evolução do tratamento, muitas pessoas vivendo com HIV tem a oportunidade de passar uma vida toda sem jamais desenvolver a síndrome conhecida como AIDS. Mesmo assim, o estigma, a discriminação e a desinformação ainda cercam o tema, trazendo consigo consequências trágicas como o aumento da epidemia entre jovens e a discriminação flagrante de pessoas que vivem com HIV como se fossem párias dentro de nossa sociedade, sujeitas a situações de vergonha e exclusão.

Para o CEO da Hi Technologies, Marcus Figueredo, é uma honra fazer parte de um projeto que tem o potencial de mudar o futuro. “Estamos engajados na missão de disseminar informação e democratizar a saúde. Ações como essa são importantes para mostrar que o setor está se movimentando em prol dos brasileiros”, ressalta Marcus.

Para baixar o e-book

Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar