Finanças e empreendedorismo: uma dupla perfeita

Neste material, Erik Penna enumera 3 passos efetivos de fácil implementação para ajudar a colocar as contas em dia e potencializar os resultados do negócio.

Erik Penna (Crédito: Davi Rodrigues) ( DINO )

São Paulo, 03/04/2018 –

Segundo o IBGE, 60% das empresas no Brasil fecham antes de completar 5 anos e, um dos principais motivos, é a má gestão financeira.

Enumero abaixo 3 passos efetivos de fácil implementação que irão ajudar você a colocar as contas em dia e potencializar os resultados do seu negócio. Confira:

1- Separar as contas

Agora acabou a desculpa. Blocos coloridos e anotações.

É bem comum ver o empresário utilizar a mesma gaveta para receber e pagar contas pessoais e da empresa. Esse ato gera a incerteza de quanto a empresa realmente fatura e gasta, e qual valor de retirada mensal o proprietário ou sócios fazem mensalmente. Mas tenho uma notícia boa: isso é fácil de resolver.

Pegue uma caneta, separe dois blocos adesivos (post-it) de cores diferentes, adicione uma dose de disciplina e pronto! E já que o dinheiro está todo no mesmo lugar faça o seguinte:

Escolha uma cor (amarelo, por exemplo) e todo dinheiro que você for pegar para comprar algo pessoal, anote o valor e ao que se refere. Por exemplo: use uma folha do bloco amarelo e escreva R$ 50,00 – farmácia/remédio para as crianças. Em outra folha amarela escreva R$ 30,00 – cinema. Numa outra, anote R$ 20,00 – lanche para a escola, e assim por diante.

E com outra cor (azul, por exemplo) escreva os recursos destinados às contas da empresa: R$ 200,00 – matéria prima; R$ 100,00 – impostos; R$ 500,00 – adiantamento de funcionário, etc.

Ao final do dia, você saberá exatamente quanto saiu para as contas pessoais e o que foi destinado para a empresa.

2- Fluxo de caixa

Uma planilha bem simples é o suficiente.

Após ter separado as contas pessoas e profissionais, é hora de planejar fazendo uma planilha de contas a pagar e contas a receber, para identificar aonde o dinheiro está indo.

A planilha pode ser feita no Excel, com 5 colunas: data, ocorrência, entrada, saída e saldo.

Faça uma previsão das entradas diárias (vendas à vista e recebimentos a prazo) e das contas dia a dia que terá que pagar. Faça um planejamento de 30 dias para esta planilha.

Isso será um raio x financeiro da sua empresa, ou seja, você saberá o quanto terá que pagar e o quanto irá receber e a planilha já calcula automaticamente o saldo diário.

E se você verificar na planilha, por exemplo, que daqui a 10 dias vai faltar dinheiro para pagar as contas, o que pode ser feito?

Sabedor da necessidade de recurso financeiro, você pode criar alguma promoção para incremento das vendas e ofertas para pagamento à vista.

E, se mesmo assim não conseguir, você saberá exatamente quanto de capital de giro vai precisar ao procurar uma instituição financeira.

3- Capital de giro

É o capital necessário para financiar a continuidade das operações da empresa ou para a expansão daquele negócio, ou seja, quanto a empresa precisa de recurso financeiro para pagar as contas e manter as portas abertas.

Por exemplo, num mês em que o faturamento cair ou se você vender muito a prazo, como fará para pagar as contas no vencimento? Se for preciso comprar novos móveis ou instalar um ar condicionado, também será necessário um recurso financeiro extra.

Após seguir os 3 passos acima e com esses dados em mãos, é possível saber exatamente quanto o dono da empresa está retirando por mês, e ainda permitirá tomar as decisões mais assertivas para o negócio decolar.

Lembre-se, ainda, que a ligação entre o planejamento e a disciplina costuma ser o elo entre o desejo e sonho de sucesso realizado.

* Erik Penna é palestrante de vendas e motivação, especialista em vendas com qualificação internacional, consultor e autor dos livros “A Divertida Arte de Vender”, “Motivação Nota 10”, “21 soluções para potencializar seu negócio”, “Atendimento Mágico – Como Encantar e Surpreender Clientes” e “O Dom de Motivar na Arte de Educar”. Saiba mais sobre motivação e vendas em: www.erikpenna.com.br.

Sobre o palestrante de vendas e motivação Erik Penna

Ministra palestras de vendas e motivação, realiza consultoria, possui MBA em Gestão de Pessoas pela Fundação Getúlio Vargas, pós-graduação em Administração e Marketing pela Universidade Paulista e graduação em Economia pela Universidade de Taubaté.

Aborda nas palestras ensinamentos baseados nas experiências vivenciadas por ele durante a sua carreira como executivo de vendas, professor, escritor, motivador de equipes e gestor corporativo. É autor dos livros “A Divertida Arte de Vender”, “Motivação Nota 10”, “21 soluções para potencializar seu negócio”, “Atendimento Mágico – Como Encantar e Surpreender Clientes”, “O Dom de Motivar na Arte de Educar” e coautor dos livros “Gigantes das Vendas” e “Gigantes da Motivação”.

Site: www.erikpenna.com.br.

Atendimento à imprensa

Patrícia Arantes – RZT Comunicação
www.rztcomunicacao.com.br
[email protected]
Fones: (11) 5051-8142 / 99873-6008

Website: http://www.erikpenna.com.br

Um comentário

  1. Seu site é sensacional!! Como faço para criar um site como o seu? Estou vendo alguns layouts e o seu fi o que me agradou mais. Obrigado pelo conteudo de qualidade

    1. Amigo, boa tarde. Primeiramente agradecemos o contato e o carinho. Em relação a plataforma, nossa equipe entrará em contato para auxiliá-lo. Um grande abraço.

  2. I’m sorry. O planeta não está em perigo. Todos os que pensam e agem a partir dessa premissa, de duas, uma: ou são conscientes de que o propósito de fundo é controlar o fluxo global de recursos e riqueza, o que literalmente requer uma compulsória transformação da civilização humana a assumir comportamentos ditados por uma minoria; ou são apenas a imensa massa de manobra facilmente manipulada por estes, ou o que Lênin chamava “carinhosamente” de “idiotas úteis”.

    Já está mais que comprovado que a chamada “sustentabilidade” nada mais é do que a reorganização forçada de toda a infraestrutura de uma nação baseada na premissa de planejamento mais centralizado, maior interferência governamental na vida do cidadão comum e maior manipulação e controle sobre a propriedade e produção privadas. Simples assim. Como a Popy nos contou, é a tal da “Agenda Social obrigatória”… Em termos mais filosóficos, puro “marxismo ambiental”.

    Os fieis – e, em alguns casos, violentos! – seguidores da nova religião global creem que as sociedades atuais devem ser remetidas outras vez ao tempo dos governos feudais, tendo a “mãe natureza” como o princípio organizador central da economia e da sociedade, não mais dos desejos e necessidades humanas, revertendo a proposta de Protágoras e elevando a natureza acima do homem nas políticas públicas, porém fundamentado em mentiras, distorções e manipulações pseudo-científicas.

    Em suma, a velha proposta, re-embalada em um bonito papel de presente, do estado coletivista de Rousseau reinando sobre as liberdades e decisões individuais, rumo a um governo único sobre o planeta. Ou, em termos mais hollywoodianos, é, a “avatarização” do mundo em curso. O Brasil precisa seguir o exemplo de Trump e pará-la imediatamente!

  3. Excelente artigo! Já visitei o seu blog outras vezes, porém nunca
    tinha escrito um comentário. Pus seu blog
    nos meus favoritos para que eu não perca nenhuma atualização.
    Grande abraço!

  4. Concordo com a Cris!!tem muitos casamentos que duram anos não pelo amor mas sim pelo fato de gostar da pessoa!isso gera muitas coisas ruins como traições,frieza na relação, depressão,isso pra mim é comodismo.Diz que ama outra pessoa então fica com a outra pessoa o fato de te casar sabendo que ela te traiu já é um motivo pra ti não gostar tanto assim dela.

  5. Olá boa noite
    Me chamo Anna Lúcia sou de Manaus, gostaria de entrar nesse grupo de WhatsApp sobre Mentoria pois tenho um trabalho científico pra fazer nesse tema e preciso de ajuda sobre o assunto. Desde agradeço!

  6. Pingback: O cliente tem sempre razão. Será? - Pangeia Service
  7. Bom assunto abordado e com muita clareza. Quero deixar aqui meu contentamento de uma boa leitura e dizer que vou recomenda também o site e suas boas matérias.

Fechar