PeopleSlider

Comodismo profissional tem validade ultrapassada

A era de carreiras lineares, planejadas de acordo com a herança profissional familiar acabou!

Muito mais que a técnica em determinado segmento profissional, o desenvolvimento de novas habilidades e talentos tem sido determinante na contratação de novos profissionais e até na permanência de colaboradores com posições aparentemente estáveis.

*Por Leila Navarro 

A era de carreiras lineares, planejadas de acordo com a herança profissional familiar acabou! Aliás, isso já faz algum tempo.

Fala-se agora da quarta revolução industrial, da robotização, de cidades inteligentes e sociedade automatizada. Fatos iminentes. Basta prestar um pouco mais de atenção aos acessos do dia a dia e veremos que nada funciona como antes. Quando foi a última vez que você foi a uma agência bancária para pagar uma conta? Por meio de aplicativos, até o smartphone mais básico dá acesso a diversos serviços bancários e até contato direto com o gerente da sua conta – estou considerando um serviço básico, de utilização necessária para 10 entre 10 pessoas economicamente ativas.

O futuro alicerçado na tecnologia já começou e, independentemente de onde venha a mudança, ela implica em tomada de decisões e provoca novas mudanças, inclusive no aspecto profissional e/ou na gestão de um negócio.

De acordo com a Singularity University Germany Summit, o futuro nos reserva surpresas além da imaginação. A taxa de inovação é cada vez mais acelerada e as futuras transformações serão muito mais rápidas que as ocorridas no passado. Novas tecnologias vão impactar a maioria dos negócios e nenhuma área de atividade estará a salvo das mudanças que virão. É imprescindível manter-se conectado aos novos cenários. Ao observar o universo corporativo, percebo que existem muitas oportunidades de carreira e de negócios. Porém, há carência de pessoal habilitado para determinados desafios.

Para gerir um negócio, empreender a carreira ou até se manter em uma empresa é preciso ter visão de futuro e disposição para o autodesenvolvimento. Você se lembra da KodaK? Em 1998 a empresa tinha 170 mil funcionários e era responsável por 85% do papel fotográfico utilizado no mundo. Em apenas três anos, o seu modelo de negócio foi extinto e a empresa desapareceu. E onde estão todos esses colaboradores? Aqueles que estiveram atentos às mudanças conquistaram novos espaços. Os que se deixaram à mercê da sorte, sabe-se lá qual o destino.

O mundo dos negócios tem aberto novas fronteiras e novas oportunidades. O UBER, por exemplo, é apenas uma ferramenta de software e não possui um carro sequer, mesmo assim constitui a maior empresa para transporte pessoal do mundo. A Airbnb é o maior grupo hoteleiro do planeta sem deter a propriedade de uma única unidade de hospedagem.

A mudança não é uma opção humana, muito menos para ͞alguns segmentos. Mais do que em qualquer outro tempo, ela se tornou uma condição da própria vida e do que está por vir.  A formação acadêmica é importante, mas não é garantia de uma carreira promissora. Muito mais que a técnica em determinado segmento profissional, o desenvolvimento de novas habilidades e talentos tem sido determinante na contratação de novos profissionais e até na permanência de colaboradores com posições aparentemente estáveis.

Previsões de cientistas e pesquisadores apontam que nos próximos 20 anos (o que chega rapidinho!) 70% dos empregos atuais vão desaparecer.  Diante disso, em qual maré você vem navegando?

Para que o percentual acima se concretize, ele não acontece de uma hora para outra. As margens vão crescendo pouco a pouco e essa contagem já começou. Após 30 anos de dedicação profissional exclusiva para uma instituição financeira multinacional, o gerente máster recebeu o convite de desligamento em pouco menos de cinco minutos, em uma manhã que mudou a sua vida, e somente depois de algum tempo caiu na real. Durante sua permanência na empresa, ele desprezou a necessidade de atualização de seus conhecimentos e acabou abrindo espaço para concorrentes antenados com as novas demandas. Essa é uma história real, de um amigo próximo, mas que representa a realidade de muitos profissionais.

Você está atento a esse cenário? Tem real consciência das suas competências diante dessa realidade? Essas são questões que você não terá muito tempo para pensar. Tem que estar pronto para corresponder!

*Leila Navarro é empresária, autora de mais de 10 livros e uma das palestrantes mais requisitadas do Brasil. Clique aqui e saiba mais.


Deixe seu comentário ou dúvida no campo abaixo! Vamos dialogar!

Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar